Compartilhe

Brasil criou 395 mil vagas de trabalho, em outubro, o maior número da história, segundo dados do Ministério da Economia. O cálculo é feito a partir da subtração do número de contratações pelo número de demissões.

Foi o quarto mês seguido de resultado positivo, depois de quatro meses com resultado negativo. Especialistas, porém, alertam que é preciso ter cuidado antes de confirmar que isso indica uma retomada firme da economia.



Até porque é natural que depois da quarentena e do fechamento de vários setores, que eliminaram muitos postos de trabalho, no começo da pandemia, agora haja um aumento das contratações, uma vez que as atividades foram retomadas.

Apesar desse avanço, no acumulado do começo do ano pra cá, o saldo é negativo: menos 171 mil vagas de trabalho. Resultado bem pior que o do mesmo período de 2019, quando houve a abertura de mais de 800 mil vagas.

Ainda sobre os dados de outubro, os setores que mais criaram oportunidades foram serviços e comércio, exatamente alguns dos que mais sofreram, durante o período mais duro da pandemia. Juntos, eles abriram 272 mil vagas.