Compartilhe

Número de empresas criadas no País bate recorde.

Dados da Serasa apontam a abertura de praticamente dois milhões e meio de novos negócios, em 2018. O melhor resultado desde que a pesquisa começou a ser feita, em 2010.



O número representa alta de 15 por cento, na comparação com 2017.

Os economistas responsáveis pelo estudo, porém, deixam claro que o resultado não quer dizer, necessariamente, que a situação do País melhorou.

Para eles, boa parte das empresas foi aberta não porque o empreendedor quis investir.

Mas porque com o desemprego em alta, muita gente, pra não ficar sem dinheiro, teve que se virar e começou a trabalhar por conta. Tanto que 80 por cento das novas empresas são MEIs, abertas por microempreendedores individuais.



No geral, as áreas mais procuradas são alimentação e serviços de higiene e beleza.