Compartilhe

Um caso suspeito de coronavírus foi confirmado no fim da tarde desta quarta-feira (12) na cidade de Porto Feliz (SP) pela Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo.

De acordo com a pasta, existem ainda mais dois casos suspeitos que estão sendo monitorados na capital. Com estes, chega a seis o número de pacientes monitorados pela pasta no Estado.



O caso de Porto Feliz é de uma criança que veio da China e, segundo a diretora da Vigilância Epidemiológica, Helena Sato, passou a ser monitorado depois de ser notificado.

A situação da paciente é considerada suspeita porque apresentou febre, problema respiratório e esteve na China nos últimos 14 dias.

De acordo com Sato, a criança foi atendida em Sorocaba (SP) e todos os cuidados foram tomados. Não há motivo para preocupação entre moradores da cidade a unidade onde houve o atendimento.

Durante o período de incubação do vírus, 14 dias, equipes da saúde entrarão em contato ou até irão à casa da família.



A mãe da criança não apresentou sintomas. O resultado sobre o material colhido na criança deve ficar pronto na próxima semana.

Casos Suspeitos

Os pacientes considerados suspeitos estão em isolamento domiciliar e seus familiares estão orientados com relação às medidas necessárias para se prevenirem, como uso de máscaras, higienização das mãos e não compartilhamento de objetos de uso pessoal, bem como sobre os cuidados requeridos para os pacientes, que incluem hidratação e a permanência em casa, sem circulação por outros locais e evitando contato com familiares e amigos, por exemplo.

Acima de tudo a Secretaria de Saúde afirmou que não há caso confirmado de coronavírus nem em São Paulo, nem no Brasil.

A pasta criou uma cartilha digital que esclarece todas as dúvidas a respeito do coronavírus. Veja!

As informações são do G1.