Compartilhe

Quem pagou a mais pelo DPVAT, antes da decisão do Supremo de reduzir o valor do seguro pode pedir a restituição da diferença a partir desta quarta-feira, 15 de janeiro.

O depósito será feito em conta corrente ou poupança até dois dias úteis após a solicitação.



Os valores cobrados no dia 09, quando começaram os primeiros vencimentos, eram de 16 reais 20 centavos para carros e táxis, e 84 reais e 58 para motos.

Pela tabela atual, serão cobrados pelo seguro CINCO reais 23 centavos para veículos, e 12 reais 30 centavos para motocicletas.

O ajuste deve ser solicitado pelo site da Líder, consórcio que administra o DPVAT. A seguradora prometeu criar uma solução tecnológica para facilitar o acesso à restituição.

Para quem ainda não entrou no calendário de vencimentos – definido pela placa do veículo junto com o IPVA – os valores estão atualizados.