Compartilhe

Brasil alcança 12 milhões e 800 mil sacas de 60 quilos de café privado, armazenado até 31 de março.

O volume é 31 vírgula dois por cento maior que o registrado na pesquisa anterior.



Em 31 de março do ano passado, o estoque de café privado estava em nove milhões e 800 mil sacas. O crescimento se deve à produção recorde de café em 2018, de 61 milhões de sacas.

A variedade arábica corresponde a 92 por cento do total apurado, com cerca de onze milhões e 800 mil sacas.

Líder na produção nacional do grão, o Sudeste responde por quase 95 por cento dos estoques de café, armazenados nos Estados de Minas Gerais, Espírito Santo e São Paulo.

Os dados são de pesquisa da Companhia Nacional de Abastecimento, a Conab, e foram publicados no Canal Rural, do Uol.