Compartilhe

Polícia fecha fábrica clandestina que falsificava carros de luxo das marcas Ferrari e Lamborghini, em itajaí, Santa Catarina.

Os veículos eram fabricados sob encomenda e cada um deles custava entre 180 mil reais e 250 mil reais.



Para adquirir um modelo original no mercado, o preço varia entre um milhão e meio de reais e três milhões de reais, por automóvel.

De acordo com o setor de Investigações Criminais da Primeira Delegacia de Itajaí, os carros falsos eram divulgados nas redes sociais e comercializados em todo o País.

As investigações começaram depois que representantes da Ferrari e da Lamborghini entraram em contato com a Polícia Civil.

No local foram apreendidas réplicas dos carros de luxo, moldes, chassis e ferramentas.



Um pai e seu filho foram presos na operação, acusados de serem os principais falsificadores das marcas no Brasil.