Compartilhe

Um homem de 35 anos foi acusado de agredir e tentar atear fogo em uma mulher, de 44 anos, em Piracicaba.

Segundo a vítima, o homem ficou nervoso após ela contar a esposa dele que o mesmo mantinha um caso extraconjugal com ela.



Depois da confissão, ele apareceu na casa da suposta amante e começou a agredi-la com socos e chutes, contou ela a Polícia.

Após agredi-la ele teria a ameaçado de morte e pego uma garrafa pet com gasolina e jogado o líquido nela. Ele só não teria ateado fogo porque os filhos dela começaram a gritar pedindo socorro, o que fez com que ele fugisse.

A Polícia apreendeu a garrafa, um isqueiro e a roupa que foi molhada com gasolina. A vítima passou por exame de corpo de delito, e o caso foi registrado como tentativa de homicídio.

O caso ocorreu na noite de quarta-feira (20) e até o fechamento desta reportagem o mesmo não foi localizado.