Compartilhe

Ao menos dezessete fábricas fecharam, por dia, entre os anos de 2015 e 2018.

A conclusão é de levantamento da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo, a CNC, realizado a pedido do Estadão.



Segundo o estudo, 25 mil, 376 indústrias de transformação encerraram as atividades no Brasil no período em questão.

O país começou 2015 com 384 mil, 721 unidades industriais de transformação, total que caiu para pouco mais de 359 mil em 2018.

São classificadas como indústria de transformação as fábricas de transformam uma matéria-prima em um bem – há ainda a indústria agrícola e indústria extrativista.

Segundo o estudo da CNC, a indústria de transformação está operando, atualmente, quase 20% abaixo do pico alcançado em março de 2011 – antes do início da recessão no nosso país, que começou em 2014 e se estendeu até 2016.