Compartilhe

Motoristas de vans que trabalham com transporte escolar, realizaram um protesto na manhã deste sábado (18), em frente à Prefeitura de Capivari. A categoria pede ajuda financeira enquanto as aulas presenciais não são retomadas.

O protesto começou às 8h, e conta com cerca de 20 vans escolares. A manifestação foi de forma silenciosa, com dizeres escritos nas vans.



De acordo com a Associação Rafard Capivari Transporte, a categoria já fazem 4 meses sem trabalhar, sem nenhuma renda e a classe não está mais conseguindo se sustentar.

“Não estão pedindo volta às aulas e sim ajuda emergencial. Nós estamos assim sem rendimento, sem trabalho e o escolar tá necessitado, está muito difícil pra nós”.

Afirmou Felipe.

Eles pedem auxílio da prefeitura e do governo do estado, alegando que a maioria dos contratos firmados foi interrompido com a suspensão das aulas nas escolas públicas e particulares desde o início da quarentena na cidade.