Compartilhe

Atualizado em

Campanha Maio Amarelo quer ajudar a reduzir o número de mortes no trânsito.




Só no Estado de SP, serão cerca de mil e 200 ações educativas e preventivas.


Por exemplo, eventos em escolas, distribuição de folhetos em semáforos e abordagens em rodovias feitas pela Artesp, o DER e as concessionárias.




A fiscalização também será reforçada, pela Polícia Rodoviária.


E o Rodovirtua, sistema de realidade virtual que mostra os perigos de dirigir alcoolizado ou quando fala ao celular vai rodar por várias cidades.


As ações, realizadas com apoio do Governo do Estado, integram o Movimento Paulista de Segurança no Trânsito.


Que pretende, até 2020, reduzir o número de vítimas pela metade.


Todo dia 19, o Estado divulga um balanço detalhado sobre acidentes, que ajuda a identificar pontos críticos e investir para resolver o problema.


Esse mesmo sistema confirma que 94 por cento das mortes no trânsito são causadas por comportamentos de risco.


Por exemplo: excesso de velocidade, não uso do cinto de segurança, falar ao celular enquanto dirige e, é claro, a combinação bebida e volante.