Compartilhe

Pesquisadores britânicos criam aparelho parecido com o bafômetro que pretende detectar o câncer.

O equipamento está em fase de testes e vai coletar amostras da respiração de mil e 500 pessoas, parte delas diagnosticada com a doença.

De acordo com os pesquisadores, o paciente com câncer sofre alterações no comportamento das células, que passam a produzir moléculas em um padrão diferente, inclusive com outro odor.



O objetivo é descobrir se o bafômetro é capaz de identificar rastros químicos de diferentes tipos de câncer na respiração.

Se a tecnologia se mostrar eficaz, os testes poderão ajudar a detectar a doença em sua fase inicial.

A pesquisa é realizada na Universidade de Cambridge e as informações são da BBC.