Compartilhe

Último relatório divulgado pela OMS – Organização Mundial da Saúde, aponta que o número de homens fumantes no mundo tende a cair. A pesquisa prevê que, 2020 terá menos 10 milhões de tabagistas que em 2018, mostrando que, felizmente, as pessoas estão abandonando este hábito, responsável por matar cerca de 8 milhões de pessoas todos os anos.

O Relatório Global de Tendências na Prevalência do Tabaco foi divulgado no fim de 2019, indicando uma grande mudança na epidemia de tabagismo. Se a prática já estava sendo abandonada há tempos pelas mulheres, a pesquisa revela que os homens também estão deixando de fumar. A OMS ainda divulgou que em 2025, esse número cairá outros 27 milhões, atingindo 1,299 bilhão de fumantes em todo o mundo.



Em entrevista ao El País, o diretor de Promoção da Saúde da OMS – Ruediger Krech, comemorou: “As reduções no consumo mundial de tabaco mostram que quando os Governos introduzem e fortalecem suas ações integrais baseadas em evidências, podem proteger o bem-estar de seus cidadãos e comunidades”.

É importante ressaltar que, embora o número pareça irrisório, nas últimas décadas a população de fumantes vem caindo consideravelmente. Se nos anos 2000, uma em cada três pessoas fumava em todo o planeta e quase metade dos homens fumava (contra 16% das mulheres); hoje, uma em cada cinco pessoas é fumante (37,5% dos homens e 8% das mulheres).

A instituição ainda lista os fatores decisivos para a diminuição do tabaco no mundo. Entre eles, oferecer ajuda para quem quer parar de fumar, fazer cumprir as proibições à publicidade e aumentar os impostos. Isso sem falar nos fumantes passivos, que também sofrem problemas de saúde ao estarem em contato com fumantes.

Em setembro de 2019, o ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta, recebeu o Prêmio da Força-Tarefa Interagências da Organização das Nações Unidas – ONU, pelos resultados reais no número de fumantes no Brasil. Nos últimos 12 anos, a população fumante no país caiu de 40% para 9%. No dia da premiação, ele afirmou que “nós seremos o primeiro país livre do tabaco do mundo”.