Compartilhe

Fumantes podem ter dificuldade para encontrar locais com cigarros a venda na Grande São Paulo.

Cerca de 600 padarias decidiram deixar de comercializar a mercadoria em razão da baixa margem de lucro.



O cigarro é um dos produtos com mais imposto no País, com uma carga tributária em torno de 80 por cento.

Outro problema, apontado pelos comerciantes, é que os maços são um chamariz para os assaltantes.

Em entrevista ao G1, o proprietário de um estabelecimento de Guarulhos, que já sofreu assaltos, disse que os bandidos levam o dinheiro do caixa e os cigarros.

Segundo ele, o cigarro é moeda de troca no mercado paralelo, além de ser um dos produtos que mais chama a atenção nas padarias.



O dono de outra panificadora, na zona sul da capital, contou que de cada dez clientes, sete elogiaram a iniciativa de não vender mais cigarros.

A Grande São Paulo tem hoje seis mil padarias registradas.