Compartilhe

Quem não votou e nem justificou a ausência em pelo menos três eleições seguidas deve regularizar a situação até a próxima segunda, dia seis.

Dados do TSE apontam que mais de dois milhões e meio de brasileiros podem perder o título, se não prestarem contas ao poder público.



Para ter a situação regularizada, o cidadão precisará pagar as multas referentes às ausências. E apresentar, no cartório eleitoral, o título, um documento com foto e um comprovante de endereço.

Vale lembrar que para a soma das três eleições de ausência são contados os turnos de cada votação e também aquelas chamadas de suplementares.


▪ Veja mais informações da região!

Que são convocadas para escolher um novo governante quando houve irregularidade, por exemplo.

Para ter a certeza de que está em débito, o eleitor pode fazer a consulta num cartório eleitoral.



Quem tem o título cancelado passa a enfrentar uma série de problemas.

Por exemplo, não consegue tirar passaporte ou carteira de identidade, nem pegar empréstimo no banco.


Últimas Notícias