Compartilhe

Um estudo feito por cientistas da Universidade de Miami (EUA) mostrou que pessoas com tatuagens são mais propensas a serem diagnosticadas com problemas mentais e do sono. Mas calma. Não é porque você tem uma tatuagem no corpo que terá alguma doença ou de fato dificuldade para dormir.

De acordo com os cientistas, o intuito da pesquisa foi alertar os profissionais de saúde a serem mais rigorosos nas perguntas sobre comportamento dos pacientes ao notarem uma tatuagem. Isso inclui preocupação em relação à saúde mental, por exemplo.

O trabalho científico mostrou também que aqueles que tinham a arte no corpo eram mais engajados em comportamentos arriscados, como fumar e ter muitos parceiros sexuais.



A equipe recrutou 2008 americanos que responderam questões relacionadas à saúde, se tinham algum problema mental ou problemas para dormir. Eles também foram questionados se eram fumantes, se já passaram algum tempo na prisão e o número de parceiros sexuais.

No final do trabalho, a pesquisa mostrou que quem tinha tatuagem era mais propenso a se envolver em todos os comportamentos acima do que aqueles sem o desenho no corpo. “Pesquisas anteriores estabeleceram uma associação entre ter uma tatuagem e se envolver em comportamentos de risco”, concluiu uma das autoras do estudo.

Fonte: Viva Bem