Compartilhe

Atualizado em

Volume de cheques devolvidos no País pela segunda vez por falta de fundos volta a cair, em setembro.
Dados da Serasa indicam que foram compensadas aproximadamente 33 milhões de folhas. Enquanto cerca de 556 mil cheques foram devolvidos. Ou seja, 1,67 por cento do total.
O menor volume para o mês de setembro em oito anos e o melhor resultado de 2018.
Economistas da Serasa avaliam que a redução da inadimplência com cheques é consequência da melhora da economia, puxada por fatores como a queda da inflação e dos juros.
Mas também lembram que o cheque tem sido cada vez menos usado pelo brasileiro.
No acumulado do ano, até agora, 1,93 por cento das folhas emitidas voltaram sem fundos.